Pesquisa desenvolvida na Unoeste é premiada com o 1º lugar

 
 

Presidente Prudente, quarta-feira 27 de novembro de 2013

 

 

O 15º Prêmio Pesquisa Clínica MSD Saúde Animal, tradicional e reconhecido concurso do meio científico da medicina veterinária, confere o primeiro lugar a trabalho desenvolvido junto ao Mestrado em Ciência Animal da Unoeste. Aplicado em 200 cães de três bairros da zona leste de Presidente Prudente, o medicamento Panacur revelou eficácia acima de 95% no tratamento para combater toxocara e ancylostoma, verminoses que podem ser transmitidas a humanos e causarem sérios problemas de saúde.

 

A toxocara produz larvas que invadem os vasos sanguíneos e linfáticos e atingem o fígado e os pulmões, podendo se disseminar para outros órgãos. A ancylostoma atinge o intestino delgado e provoca a doença conhecida como amarelão, que pode resultar em grave anemia, até levando à morte. Combater esses parasitas em animais domésticos é questão de saúde pública, por serem agentes transmissores de zoonoses que podem causar problemas e até por em risco vidas humanas.

 

A pesquisa premiada foi feita pela média veterinária Lívia Magosso Ramires (foto), orientada pelo doutor Vamilton Álvares Santarém (foto) e com o envolvimento dos estudantes da graduação inseridos em iniciação científica: Eduardo Cordeiro, Amanda Abonizio e Bruno Fabrício Teixeira. O trabalho recebeu o título de ´´Impacto do tratamento anti-helmíntico (Panacur 10%) de cães na contaminação ambiental de áreas públicas por agentes de larvas migrans``.

 

Nos bairros Jardim Cambuci, Parque José Rotta e Jardim Paraíso, houve as escolhas aleatórias de casas. Aos seus moradores foi aplicado questionário socioeconômico e sobre a saúde animal. ´´Em cada casa deixamos um coletor de fezes, buscado no dia seguinte. Também coletamos 400 amostras em espaços públicos: ruas e parque``, conta Lívia sobre a pesquisa de campo já concluída e que agora entra na produção de análise estatística para a redação da dissertação no mestrado.

 

Ainda a campo, nos animais que apresentaram resultados positivos para um ou outro tipo de parasita (toxocara e ancylostoma) houve o tratamento com o medicamento por 30 dias. Após esse período ocorreram as coletas de novas amostras de fezes, incluindo os espaços públicos, para apurar eficácia ou não do tratamento. ``O interesse era saber se os animais de casa, com acesso às ruas, apresentavam diminuição da contaminação. O que se verificou foi significativa redução, com índice acima de 95%``, explica Santarém.

 

Para os estudos foi utilizado o Laboratório de Medicina Preventiva II, no hospital veterinário da Unoeste. O projeto foi iniciado no final do ano passado e inscrito na categoria profissional para concorrer ao prêmio em setembro deste ano, com o resultado divulgado agora e a obtenção de primeiro lugar entre os cinco premiados. Mestranda e orientador estarão na premiação no dia 4 de dezembro em São Paulo e no ano que vem poderão participar de um congresso internacional, de livre escolha e com tudo pago.

 

No entendimento de Santarém – na condição de pesquisador, professor e orientador – o primeiro lugar no 15º Prêmio Pesquisa Clínica MSD Saúde Animal representa enriquecimento para o aluno e reflete em seu currículo; demonstra a qualidade do que se produz em pesquisa na Unoeste e a maturidade do Mestrado em Ciência Animal, vinculado à Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-graduação, pela qual responde a doutora Zizi Trevizan. Outra constatação é a de que a premiação contribui com a possibilidade de internacionalizar o mestrado.

Normal 0 21 false false false PT-BR X-NONE X-NONE /* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:"Tabela normal"; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-priority:99; mso-style-parent:""; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin-top:0cm; mso-para-margin-right:0cm; mso-para-margin-bottom:10.0pt; mso-para-margin-left:0cm; line-height:115%; mso-pagination:widow-orphan; font-size:11.0pt; font-family:"Calibri","sans-serif"; mso-ascii-font-family:Calibri; mso-ascii-theme-font:minor-latin; mso-hansi-font-family:Calibri; mso-hansi-theme-font:minor-latin; mso-fareast-language:EN-US;}
Este é um projeto educacional sem fins lucrativos.
Ajude-nos a manter este projeto em funcionamento.
Doar