Tribunal Regional Eleitoral permite propaganda de Agripino

 

  

Presidente Prudente, segunda-feira 30 de julho de 2012

 

Através de medida liminar concedida pelo Tribunal Regional Eleitoral, o candidato a prefeito Agripino Lima volta a fazer campanha. Em decisão de primeira instância, a determinação era para que a campanha fosse suspensa, sob pena de R$ 100 mil por dia.

 

A assessoria jurídica do partido ingressou com pedido de liminar e obteve amparo um dia após a interrupção da campanha ocorrida na sexta-feira. A divulgação do amparo liminar é feita pelos advogados, com a informação de que o candidato poderá inclusive utilizar do horário gratuito de rádio e televisão.

 

Todavia, os desembargadores ainda irão julgar o mérito de recurso impetrado junto ao Tribunal.  A decisão de primeira instância levou em conta que Agripino Lima está com os direitos políticos suspensos e sem filiação partidária.

 

Este é um projeto educacional sem fins lucrativos.
Ajude-nos a manter este projeto em funcionamento.
Doar