9º Mutirão do Lixo Eletrônico arrecada cerca de 60 toneladas

 

Presidente Prudente, segunda-feira 13 de junho de 2016


A estimativa dos organizadores é a de que o 9º Mutirão do Lixo Eletrônico arrecadou cerca de 60 toneladas, incluindo os postos de arrecadação instalados sábado (11) no Parque do Povo e no conjunto habitacional Ana Jacinta; e a coleta de 4 toneladas realizada na sexta-feira (10) nos bairros rurais Ameliópolis, Eneida, Floresta do Sul e Montalvão. Todo material foi destinado à empresa ambientalmente certificada para a destinação final de resíduos sólidos eletrônicos: a BrasilReverso, de Nova Odessa, na região de Campinas (SP).



Conforme o diretor da Faculdade de Informática de Presidente Prudente (Fipp), Moacir Del Trejo, o fator de se destinar o lixo eletrônico para uma empresa capaz em dar a destinação correta é tão valioso quanto promover a educação ambiental na cidade e região.  Junto aos coordenadores de cursos, Haroldo César Alessi e Emerson Silas Dória, foram mobilizados cerca de 200 estudantes para atuar no mutirão, entre os quais um grupo da Atlética Fipp, que separou aparelhos de televisão em condições de uso para o Fundo Social de Solidariedade destinar às famílias carentes.



O presidente da associação de estudantes inseridos em competições esportivas Thales Garcia contou que surgiu interesse por uma ação solidária e então resolveram aproveitar a realização do mutirão, onde ocorre o descarte de televisores usados, sendo que alguns em condições de funcionamento. Então, foi organizada a estratégia de montar um balcão para testar o funcionamento dos aparelhos. Os 40 que se apresentaram em boas condições foram destinados ao Fundo, sendo que cada doador recebeu um cartão com um link que irá mostrar, por meio de fotos, a família que recebeu sua doação. 

O secretário municipal de tecnologia da informação Rogério Marcus Alessi fez a estimativa de 60 toneladas, considerando que foram lotadas quatro carretas baú com a capacidade de 15 toneladas cada. Comentou que, embora tenha sido uma arrecadação menor que a do ano passado (cerca de 80 toneladas), teve mais pessoas participando. Nesse caso, a estimativa leva em consideração a distribuição de papa-pilhas (recipiente para guardar pilhas e entregar no próximo mutirão), que foram 2,5 mil; 500 a mais que em 2015. Embora seja entregue 1 papa-pilha por veículo, calcula-se que cerca de 4 mil pessoas passaram pelo Parque do Povo.



A realização do mutirão resulta da parceria da Prefeitura com a Unoeste, envolvendo a Setec, a Fipp e a Pró-reitoria de Extensão e Ação Comunitária (Proext); com o apoio logístico da BrasilReverso, Prudenco e Stetnet. O principal posto de coleta funcionou das 9h às 16h no Parque do Povo, sendo que ao final foram feitos, publicamente, os sorteios de 13 prêmios aos participantes. Cada doador recebeu um cupom, depositado numa urna.



Os ganhadores são: Carlos Eduardo Souza (tablet), Karen Faita (notebook), Marcelo José dos Santos (Smartphone), Paulo Cezar, Julio Sitolino, João Batista Duarte, José Christian, Raimundo Goes, Silvia Regina Agneli, Wilson Nagaki, Marcelo Sipione, Inae Lopes Borgio e Antonio Alves da Silva (bicicletas). A entrega ocorrerá às 15h desta terça-feira (14) no gabinete do prefeito Milton Carlos de Mello “Tupã”.

Este é um projeto educacional sem fins lucrativos.
Ajude-nos a manter este projeto em funcionamento.
Doar