Bolsas do Frente de Trabalho inclui desempregados prudentinos

 

Presidente Prudente, quinta-feira 10 de janeiro de 2012

 

Criado em 1999, o programa Frente de Trabalho visa conferir qualificação profissional e consequente renda à população desempregada. Em 2012, a ação alcançou 144 cidades de 15 regiões do Estado: São José do Rio Preto, Araçatuba, Presidente Prudente, Botucatu, Barretos, Bauru, Marília, Araraquara, Grande São Paulo, Capital, Registro, São José dos Campos, Campinas, Litoral e Sorocaba.

 

No mesmo período, o programa implantou 9.039 bolsas, contra 1.448 em 2011. Por meio das Frentes, o cidadão recebe uma bolsa auxílio de R$ 300 e presta serviços ao município durante quatro dias por semana (6h/dia). Além disso, a partir do terceiro mês, o bolsista participa de um curso de qualificação.

 

Para participar é necessário ser maior de 17 anos, estar desempregado há pelo menos um ano, não ser beneficiário de qualquer programa assistencial, residir no Estado de São Paulo há no mínimo dois anos e não ter familiar que participe do programa.

Este é um projeto educacional sem fins lucrativos.
Ajude-nos a manter este projeto em funcionamento.
Doar